O SÓCIO DO MEU MARIDO 17

sprite

Capítulo 17

Alicia Rogers narrando

Eu fico a noite toda pensando em várias coisas, principalmente na minha conversa com Jonas e depois com Mateus.

Eu me levanto e vou até o quarto de Maria Alice acordar Jonas já que o seu voo era para daqui algumas horas, era 6h da manhã. Eu entro no quarto e a cena era a mesma, ele dormia tranquilo ao lado da filha.

Eu me ajoelho ao lado da cama e tento acordar ele sem acordar Maria Alice.

- Jonas – eu falo sussurrando em seu ouvido – Jonas – ele começa abrir os olhos – você dormiu aqui, já está na hora de acordar. – ele me olha.

- Bom dia – ele fala baixo.

Eu me levanto e ele sai da cama lentamente arrumando Maria Alice.

- Você acabou pegando no sono e eu não quis te acordar – eu falo. – desculpa se eu fiz errado.

- Não precisa pedir desculpa , eu estava com a minha filha – ele fala – e eu sempre tenho tempo para ela.

- Fico feliz em escutar isso – eu olho para ele – pelo menos ela tem seu tempo, seu amor e seu carinho. Pelo menos ela tem isso – eu me viro.

Ele me encara e depois vem atrás de mim.

Eu entro dentro do meu closet e começo a pegar uma roupa para me trocar, ele ainda não tinha questionado o fato de ter ido acordar ele de camisola longa e hobby.

Eu começo a trocar de roupa quando eu observo Jonas parado na porta do meu closet.

- Você vai se atrasar – eu falo.

- Ainda tenho um tempo – ele diz

- Ok – eu respondo para ele.

- Podemos fazer uma viajem só nós dois esses finais de semana, o que acha? – ele pergunta.

- Maria Alice? – eu questiono.

- Fica com a babá – ele fala.

final de semana inteiro com a babá? – eu questiono.

- Meu irmão ainda está aqui e Ana pode ficar com ela, tenho certeza de que vai adorar – ele

- Uma viajem só nos dois? – eu o questiono – por que isso?

- Para me desculpar pelo beijo em público – ele fala – Em oito anos dessa relação Alicia a gente nunca teve tanta divergência e discussões como a gente está tendo nessas ultimas semanas e isso não é bom para nós dois e nem mesmo para Maria Alice. E a gente sabe, que não é bom para nenhum de nos dois que esse casamento acabe, por isso quero manter uma relação tranquila com você.

- Você acha que uma viajem vai resolver tudo? – ele pergunta.

aceite – ele fala – Quem sabe fazer algo diferente não faça que o nosso convívio volte a ser como antes. Eu já aceitei que você fizesse a sua faculdade, não será esforço nenhum você me acompanhar.

- Tudo bem – eu acabo concordando antes que viesse mais uma ameaça ou ele me jogasse na cara mais uma vez.

O problema do meu relacionamento com Jonas era que era sempre assim, ele queria contornar sempre a situação e me fazia aceitar as suas exigências sempre jogando na minha cara algo que ele fez.

acabo aceitando viajar com ele, porque dizer não era a mesma coisa que nada, chegaria na sexta ou sábado e eu teria que ir viajar e ponto

estou acompanhando Jonas até o carro junto de Maria Alice que ia no seu

Você vai para o balé e depois você aproveita muito seu dia – ele fala para ela – amanhã o papai está de

sentir sua falta papai –

amo você – ele fala para ela – amanha papai está de volta – ele dar um beijo nela e me entrega

- Tchau Alicia – ele fala.

Pai, e o beijo da mamãe? E dizer que ama ela? – ela repreende ele – você

Jonas nos encaramos, várias coisas a gente fazia por causa de Maria

amo você Alicia – ele fala me dando um leve beijo e eu