Meu Dono do morro Capítulo 33

sprite

Lara

Andei um pouco e achei Matheus sentando em uma pedra, um pouco longe de onde estávamos.

Lara: Podemos conversa? - me sentei ao seu lado.

Mat: Qual foi Lara? Vai lá fica com o cara.

Lara: Você é surtado demais Matheus. Tem que ter diálogo. - suspirei. - Eu apenas mandei o menino trazer o isopor, porque tava pesado, nada de mais.

Mat: E por que você não dizer que tinha namorado? O merda lá de chamado de gata na frente de todo mundo.

Lara: Não achei necessário. Você tem que confia em mim.

Mat: Eu confio.

Lara: Sério. - debochei. - Não parece.

Mat: É que só de imagina essas porras de olhando com desejo, eu viro o bicho. Me esquento, tu é minha porra. Minha dama.

Lara: Só você me tem Matheus. Nois estamos juntos, ninguém vai muda isso.

Mat: Eu sei. - sorriu. - Até porque se alguém tenta separa a gente, morre.

Lara: Apoio. - sorri e o beijei. - Bora junta com o resto, o povo lá ficou preocupado pensando que você ia mata o cara.

Mat: Se eu tivesse no meu território, não tinha nem um fio de cabelo dele pra contar história.

Lara: Tô lidado com um psicopata é?

Mat: Dos piores gata. Ou você acha que minha vida é conto de fadas? Mata pra mim é a coisa mais comum do mundo.

Lara: Cruz credo.

Depois de curtir pacas na praia e beber bastante, resolvemos ir embora.

Hoje faz um mês que eu e o Matheus estamos juntos. O que rendeu um grande texto que eu mandei no whats do Matheus, e muitos beijos assim que acordamos.

Não vou menti que fiquei magoada com o apenas um "eu também te amo" que o Matheus me mandou, em resposta ao meu enorme texto, mais ok, segue o baile.

Agora é um pouco mais de 1 hora da tarde, e eu estou com Gio na casa do Matheus.

Lara: Por que o Matheus e o Alex estão na boca com muito mais frequência? - disse me sentando no sofá onde ela já estava.

Gio: Os boatos nas ruas, é que estão se preparando pra um confronto. Eu perguntei ao Alex e ele disse que está tudo sobre controle que não há nada que se preocupa.

Lara: Nasci pra isso não. Coração fica na boca só de imagina os meninos pro aí em confronto. Correndo risco de morte Gio. - suspirei.

Gio: Eles sabe o que fazem miga. A cabeça do Matheus é disputada? Sim é. Mais ele é

Lara: Grande amiga tu. Confortou meu coração demais viu rapariga.

é tudo. - sorriu. - Relaxa amore, eu também fico com bastante medo mais bora manter a fé.

Lara: Quem quer ataca a comunidade?

O cobra, aquele que mexeu com você na reunião. Aquele ali tem um ódio mortal pelo

Lara: Por qual motivo?

Vou contar porque tu é minha amiga. Talvez o Matheus fique com raiva,

Lara: Fala logo o maluca.

Esse cobra tinha uma fiel, tipo ele amava ela muito. Só que ela era uma safada, todo mundo saiba que ela traia ele e que estava com ele apenas pela grana e pela s pose de patroa lá no morro dele. O problema era que ele não acreditava nos

O que o Matheus tem haver com

como acalma a periquita e deixa eu termina? Voltando. O Cobra e o Matheus era conhecidos, conversava e tudo mais, de boa entendeu? Eles não era amigos não também não era inimigos. Até que um dia o Cobra resolveu curti o baile aqui e trouxe a fiel. O Matheus bebeu bacas e resolveu segui a mulher do Cobra até o banheiro, foi quando rolou e o Cobra

é um safado. Teve ter ficado com tantas mulheres amiga. Quero ele mais

conversa é essa maluca. Você queria o que? Que o Matheus ficasse virgem esperando a mulher da vida dele