O Cuidadoso CEO Papai romance Capítulo 9

"Tio, eu ouvi dizer que o avô desmaiou. Como ele está agora?" Howard perguntou imediatamente após a entrada.

Ele tinha ouvido das enfermeiras que Simon estava naquela ala em particular. Assim, ele correu para a ala sem olhar claramente para as pessoas lá dentro.

Simon desviou o olhar e disse, fracamente: "O mesmo velho problema". O médico está tratando-o".

Howard finalmente viu as pessoas na ala, e ficou totalmente atônito. Por que é Sharon novamente?

Riley falou imediatamente sem reter: "Quem permitiu que você entrasse? Saia agora!"

Sharon mordeu os lábios, mas não disse uma palavra. Ela se sentou ao lado da cama e apenas cuidou de seu filho. Ela nem olhou de relance para Howard.

Howard viu o menino, e seu olhar congelou: "Por que aquele menino... se parece tanto com o tio?!

Ele olhou imediatamente para seu tio. “Será que ele é seu filho tio?”

Não. O tio nunca teve uma mulher ao seu lado antes. É impossível que ele tenha um filho.

“Um filho ilegítimo? Eu não acho que o tio faria uma coisa tão tola".

Justo quando ele começou a examinar Sebastian, Riley bloqueou sua visão e mais uma vez o expulsou. Ela disse: "Você é surdo? Eu lhe pedi que saísse, não está me ouvindo?"

Simon olhou para Sharon, que estava em silêncio. Seus olhos brilharam quando ele disse a Howard: "Você está aqui apenas para procurar o avô?".

Howard recuperou seu olhar. Ele ainda estava chocado.

"Sally começou a vomitar muito por causa da gravidez. Então, eu vim para acompanhá-la. Iremos visitar o avô daqui a pouco".

Sharon sentiu seu coração apertado quando o ouviu. Sally está grávida?

Simon olhou o relógio em seu pulso. "Está quase na hora. Vamos. Eu o levarei até ele".

Antes de partir, ele se lembrou de algo. Ele se virou e disse a Sebastian: "Ei garoto, aprenda uma lição. Não coma muito sorvete".

Sebastian bufou. "Tio, você é mesmo mau!" O que ele estava tentando transmitir era que ele não precisava que Simon cuidasse dele.

"Chega de conversa, deite-se e descanse um pouco". Sharon tocou a cabeça de seu filho. Ela estava com medo que Simon ficasse chateado. Mesmo assim, ele sorriu e não ficou bravo.

Simon abriu caminho em direção à porta. Ao ver como Howard não se movia um centímetro e, em vez disso, estava olhando para Sharon e seu filho, ele levantou a sobrancelha. "O que há de errado? Você não vem visitar o avô?"

Howard se arrepiou. Ele olhou de relance para o garotinho antes de sair lentamente da sala.

Quando ele saiu, ele não pôde deixar de perguntar: "Tio, aquele garotinho. Não pode ser o filho da Designer Jeans, certo?"

"Ele é filho dela. O que há de errado com ele?" Simon olhou para ele pensativamente.

Howard ficou estupefato quando estava parado no chão. Seu... seu filho...

Sharon tem um filho...!

A raiva de repente começou a ferver dentro dele. Mas ela ainda ousa dizer que não me traiu...'!

Ele tinha uma expressão horrível em seu rosto. No entanto, ele se obrigou a soltar um sorriso. "Não... nada". Eu estava apenas curioso".

Na ala, Riley ainda amaldiçoava Howard.

"Shar, você ouviu o que Howard disse? Sally está grávida! Ele é realmente sem vergonha! Como ele ousa dizer uma coisa dessas na sua frente?"!

"Pare de falar sobre eles". Sharon não quis ouvir nada sobre eles. Sua mente estava sendo inundada de imagens do incidente anterior no corredor do hospital quando ela viu Sally com aquele médico.

Riley deixou sair um suspiro. "Sim, vamos parar de falar sobre aquele casal desprezível. Eles só vão estragar nosso humor".

Sebastian piscou seus olhos. "Mamãe, de quem é a madrinha está falando?"

Sharon tocou a cabeça de seu filho. Ela nunca havia contado a Sebastian sobre o rancor entre ela e Howard.

"Você não deveria perguntar sobre assuntos de adultos. Seja um bom garoto e deite-se".

Riley olhou para a criança pequena e disse hesitantemente a Sharon: "Shar, você já percebeu que nosso Sebastian se parece muito com seu chefe?"

Antes que Sharon pudesse falar, a criança pequena enfiou a cabeça fora do cobertor e protestou: "Eu não sou nada como aquele tio mau". Sou mais bonito do que ele"!

Riley reteve seu riso quando viu seu olhar exasperado. "Sim, sim, você é mais bonito do que ele!"

Sharon mordeu os lábios e olhou para seu filho. Ela não estava disposta a admitir que seu filho era realmente parecido com Simon. No entanto, ela não podia enganar a si mesma.

"Será que ele é o homem de cinco anos atrás?

Sua mente estava uma confusão. Ela não ousava continuar pensando sobre isso e não estava disposta a pensar mais nisso. Não queria ser parente da família Zachary.

O garotinho tomou sua medicação. Então, depois de descansar por algum tempo e certificar-se de que não havia nenhum problema maior, eles se prepararam para voltar para casa.

Os três haviam acabado de sair da enfermaria quando um médico os encontrou. "Você é Sharon?"

Sharon olhou para o médico. Era um velho médico de cabelo branco. Ela estava distraída por um momento antes de conseguir identificar o último. "Você é... o senhor é o Doutor Collins?"

O Dr. Collins era o médico que havia atendido seu falecido pai; ele havia tomado bem conta do pai dela.

O Dr. Collins riu em voz alta. "Realmente é você". Já faz algum tempo desde a última vez que eu a vi. Eu ainda estava pensando em como deveria entrar em contato com você".

"Você estava me procurando por causa de alguma coisa?" Sharon ficou intrigada.

O sorriso no rosto do Dr. Collins desvaneceu-se. Ele disse num tom triste: "Antes de seu pai partir, ele me pediu para lhe dar uma caixa. Eu estava muito ocupado naquela época e me esqueci dela. Agora eu tenho a caixa guardada em minha casa. Quando estiver livre, basta entrar em contato comigo e vir buscá-la".

Comentários

Os comentários dos leitores sobre o romance: O Cuidadoso CEO Papai