O SÓCIO DO MEU MARIDO 45

sprite

Capítulo 45

Alicia Rogers narrando

Ele me olha espantado.

- Quando você soube disso? – ele pergunta.

- Alguns dias atrás, eu não contei para Jonas ainda – eu falo – até porque eu me envolvi muito mais com você do que com meu marido.

- Essa criança pode ser minha, é isso que você está dizendo? – ele pergunta.

- Ela tem total chances de ser sua Mateus – ele me olha – eu preciso que você ajude, eu preciso sair daquela casa o quanto antes com a Maria Alice.

- E como você quer que eu faça isso? – ele pergunta.

- Eu assinei um contrato e nele eu abria mão da minha filha e dos futuros filhos com Jonas, eu preciso fugir com a Maria Alice e ele não pode saber que eu estou gravida de forma nenhuma – eu falo para ele.

- Eu não quero filhos Alicia – ele fala.

- Eu nunca quis filhos na minha vida , eu não quero nada que possa me prender – ele fala.

- Eu estou gravida Mateus – eu falo – e essa criança pode ser sua.

- Por isso eu sempre perguntei se você tomava remédio e sempre usamos camisinha – ele fala – se essa criança for minha, eu não vou assumir.

Eu pisco os olhos várias vezes.

está se escutando? – eu falo – você disse que faria tudo por mim, que me ajudaria a me livrar de Jonas, que estava apaixonado.

- Mas por você – ele fala – e não com você gravida.

- Eu tenho Maria Alice – eu falo – como seria? Você trataria mal a minha filha?

ficaria com Jonas – ele fala – era essa a

- Essa era a intenção? Você me disse que me ajudaria eu e ela, que a gente seria uma família – eu falo – eu não posso dizer para Jonas que eu estou gravida sendo que o filho pode ser seu.

Eu não posso fazer nada – ele fala – eu não quero esse filho e eu não vou assumir ele. Se você estiver gravida mesmo, pode ser que esteja apenas querendo me usar para te ajudar

Eu não faria isso e você sabe disso – eu

eu nunca me prendi a ninguém, se fosse para ficar com você, seria nós dois curtindo o mundo , é isso que eu queria e não com um bebê , com você gravida – ele fala – não é isso que eu quero, então se você tem certeza que essa criança é minha, eu pago para você tirar ela, mas se você decidir ter ela não me procure, só se você doar ela em um orfanato. Depois disso podemos pensar em ficar juntos , antes disso eu não quero saber de você e nem dessa criança – eu dou um tapa forte em

é pior que o Jonas, você é um babaca! – eu grito – como fui me encantar por um homem tão baixo e

nunca quis filho se você engravidou a culpa foi sua –

Eu não preciso de você Mateus, eu nunca precisei a minha vida toda – eu falo – ainda mais precisar de um homem babaca, você diz que não quer se prender a ninguem, na verdade nenhuma mulher depois de te conhecer melhor ficaria com