VOCE É MINHA SEMPRE FOI... F A M Í L I A

sprite

"Caso lhe ofereçam uma grande oportunidade na qual você não sabe se pode ter êxito, diga sim e aprenda depois como fazê-lo"

━─━────༺༻────━─━

MESES DEPOIS

Durante os meses seguintes, Louis tentou se adaptar a nova realidade de vida, sem sua amada. Todos os dias seguintes ao triste adeus, ele pedia a Janaína forças para não decepcionar o filho, pois tem um medo crescente que vive assombrando seus pensamentos. Ele teme ser um péssimo pai ou de não dar atenção o suficiente ao Jav, pois ele tinha que se dividir em dois para ter sua empresa em um ótimo nível, e é claro dar ao Filho toda atenção que o pequeno merece. — Por Deus, ele dava conta e no final do dia dormia com um sorriso no rosto.

Em meio a esse momento tão difícil Louis não teve escolha a não ser, aceitou a ajuda vinda de Charlotte que no dia seguinte ao nascimento do pequeno Jav, se colocou no lugar de mãe, ele aceitou, porém, permaneceu vigilante. Fiz questão de deixar plantado esse sentimento dentro dele, porque ela viu nessas circunstâncias tão dolorosa uma possibilidade de se aproximar do seu marido, já que Louis não tem um afago ou o carinho que Janaína dava-lhe todas as noites.

Ela dizia: — Você é um LeBlanc, Louis! Não foca na escada meu amor, observe o degrau... ele, sim, é a sua primeira batalhas suba um de cada vez e logo notará que está subindo sem muito esforço, para vencer a guerra requer muito conhecimento, mas se vencer as batalhas logo esta pronto para dominar tudo.

Charlotte não tem essa sensibilidade de dar a injeção de motivação exata para que o jovem de apenas 20 anos não jogue tudo para o alto, afinal de contas ele é rico e pode sim, sentar na sombra e curti a vida com a fortuna que o pai lhe deu, Ela não tem o poder de ajudar ao Louis com discursos motivacionais de modo que ele não desista dos seus sonhos. Todos sabemos que ela não ama meu Jav, tampouco pondera ter esse sentimento futuramente, pois toda vez que olha o pequeno vê que ele é a prova viva de que Louis amou alguém que não era ela. Não digo isso por ser filho de Janaína, mas pelo próprio falar isso incessantemente. — De que nunca amará outra mulher na vida, pois já viveu o amor com a mãe do seu filho .

Durante esses meses observei o quão fria e ambiciosa ela é, Charlotte conseguiu criar em meu ser uma repulsa muito grande: a mesma está manipulando o pobre Louis aos poucos e como dizem por ai; Água mole e pedra dura tanto bate ate que fura! Mesmo que lento uma hora ela chega lá.

Quanto a isso não posso intervir, pois meus cuidados se limita ao Jav, porém cuidarei do Louis da maneira que der, porque é inadmissível essa criança ficar órfã de pai e se depender de mim, Louis LeBlanc terá uma vida bem longa junto ao filho.

Enfim, como prometido me mantive por perto, e sempre que Charlotte tentava fazer algum mal ao Jav tratava de mostrar para ela que o pequeno não estava sozinho e gradualmente a mesma foi se acostumando a não tentar contra a vida dele.

Minha conexão com o Jav é tão forte que sabia que o perigo rondando meu protegido e nesse dia Charlotte sentiu o medo por tentar afogá-lo durante o banho — Essa criança é amaldiçoada. — ela disse.

"Caramba, fique com raiva, é isso mesmo! A morte foi consumida por esse sentimento tão

Não gostei nem um pouco de ouvir isso, pois Jav é perfeito e muito abençoado, mas temendo o pior, optei por manipular algumas pessoas. Tive que colocar mais duas na vigilância do meu protegido e fui atrás do Laerte e da Alba e não precisou de muito para os avós caírem de amores pelo neto. Ambos tomaram para si os cuidados do pequeno bebê de cabelos negros com olhos azuis vibrantes.

que Charlotte não era confiável e tomou para si os cuidados maternos, tirando o pequeno das garras da megera. — Enfim, rotulei essa mulher dessa forma, pois de fato ela é uma

começaram a melhorar para o pequeno bebê que tem agora a proteção do patriarca da

muito insistir Laerte finalmente convenceu o filho a voltar para casa deles usando como argumento, de que Louis não daria conta de cuidar do sozinho do Jav. E Laerte acrescentou que Charlotte não sabe o que é ser mãe e não descobrirá isso cuidando do filho de outra. — Na minha opinião isso é verdade e olha que nem tive que fazer nada para ele pensar dessa

aceitou a ajuda dos pais, porém eu sabia que esse plano teria consequências, pois nessa equação, meu Jav ganhou dois protetores fortes, visto que Alba o ama tanto que não deixa ninguém que não é da sua confiança chegar perto dele, acho justo mencionar que ela gostava muito de Janaína, pois a mesma trabalhava em sua casa e as escondidas fazia gosto do filho mais velho com a falecida. Já por Charlotte, Alba tinha convicção de que sua nora não ama seu filho e acha a mesma muito