O Trigêmeos do Magnata romance Capítulo 619

Anthony se levantou, caminhou até o sofá da sala, pegou seu paletó e o vestiu. Sua figura alta e esbelta ostentava a aura aterrorizante e um forte senso de opressão. Ele virou o corpo levemente para o lado e sua linha de visão capturou Anne, que estava na frente da mesa. A moça se encontrava prestes a dar uma mordida na refeição quando sentiu uma sensação de pressão se aproximando dela por trás, e sua coluna subconscientemente enrijeceu. Anthony se inclinou ligeiramente por trás dela, colocou uma mão na borda da mesa para se apoiar, envolveu a jovem em seus braços e usou sua outra mão para levantar sua mandíbula. Em seguida, aproximou-se e beijou os lábios da moça, então franziu a testa.

— Não está muito doce o suco? —

Anne estava levemente ofegante quando respondeu.

— Você só está percebendo isso agora? Você derramou meio saco de açúcar! —

Anthony não demonstrou desconforto com a crítica, porque era verdade.

— Está tudo bem. Vou despejar um pouco de água para equilibrar. — Disse Anne enquanto olhava para os olhos negros e profundos acima dela que não desviavam o olhar.

— Voltarei em algumas horas. — Ao dizer isso, Anthony a soltou, virou-se e foi embora. Pouco depois de se ouvir o fecho da porta, todo o espaço ficou em silêncio.

Anne olhou para o ovo poché no prato, levantou-se, foi para a cozinha despejar a água no suco, para tentar equilibrar o doce. Depois de terminar de comer o ovo, a mulher pegou da bolsa o outro celular, que ela própria comprou, e foi até a varanda fazer uma chamada. Ela estava ligando para a mãe.

— Anne, onde você está agora? Diga-me, você está junto com o Anthony? — Sarah perguntou.

— S-sim... —

— Então é verdade. Não é à toa que Dorothy veio para causar uma cena como uma louca. —

— Ela foi te procurar? Ela não fez nada com você, né? — Anne ficou nervosa.

— Não. Ela veio aqui sozinha. Tinha duas pessoas aqui do meu lado. Mesmo que a gente entrasse em uma briga, ela estaria em desvantagem. Ela saiu correndo com cara de trouxa. — Sarah se sentia presunçosa. — Anne, o que quer que você faça, eu vou apoiá-la, então faça sem preocupações! —

Anne imaginou que sua mãe certamente também sabia sobre a questão da certidão de casamento, então não negou as palavras da mulher.

— Anthony e Bianca ainda vão atrás de uma certidão de casamento juntos? Você tem que pensar em uma maneira de tirar essa ideia na cabeça dele. Você absolutamente não pode deixar os dois pegarem a certidão. — Disse Sarah por telefone.

— Não sei. Vou tentar — disse Anne. — Meu pai me ligou também, mas ainda não retornei a ligação dele. —

— O que mais poderia ser? Deve ser sobre Bianca. Filha, ouça-me, não importa quem te coloque em uma posição difícil, apenas ignore a pessoa, incluindo seu pai. Entendeu? —

— Ele falou alguma coisa para você? — Perguntou a jovem.

— Que direito ele tem de dizer alguma coisa? Ele é seu pai, mas não se esqueça que ele ainda tem outra filha. Como ele pode, de todo o coração, continuar tão passivo? Os interesses das filhas estão conflitando, mas ele fica lá, parado. — Disse Sarah.

— Eu sei. — Anne acreditava que ninguém mais poderia mudar sua decisão no momento. Ela precisa impedir Anthony de se casar com Bianca.

— Anthony está com você? —

— Ele foi para a empresa. —

— Para onde vocês foram, afinal? — Sarah ficou curiosa. — Dorothy e Bianca realmente não conseguiram encontrar vocês. Algum hotel chique? —

— Não... Só um hotel comum, nada de especial. — Anne não disse que era o apartamento de Julie, apenas para o caso de sua mãe acidentalmente revelar essa informação para outras pessoas.

— Anne, apenas continue nesse caminho e faça Anthony obter uma certidão de casamento com você. —

Ouvindo a mãe, a moça permaneceu em silêncio, para deixar sua mãe pensar erroneamente que ela havia aceitado aquela ideia. Na verdade, ela sentiu que impedir Anthony de se casar com Bianca não significava que ela tinha que se casar com o homem no lugar da irmã. Eram duas questões distintas.

Depois que terminou a ligação com Sarah, Anne arrumou um pouco a cozinha, pegou sua bolsa e foi embora. Como ela realmente ficaria lá para esperar por Anthony? Além disso, ela imaginou que o rapaz poderia ter mentido e ido procurar Bianca.

Comentários

Os comentários dos leitores sobre o romance: O Trigêmeos do Magnata