O Trigêmeos do Magnata romance Capítulo 359

Quando o olhar afiado e aterrorizante de Anthony passou, Anne imediatamente manteve a cabeça baixa ao lado de Xander.

― Senhor Marwood. ― Os dois cumprimentaram

Mas, Anthony respondeu com um aceno de cabeça, sem ao menos dirigir um olhar, e continuou andando em linha reta. Xander e Oliver o seguiram. No final do desfile estava Anne.

A atitude de Anthony era como se nada tivesse acontecido, frio e indiferente.

Entretanto, Anne ainda estava com a guarda alta, enquanto desejava ser capaz de se tornar invisível.

Quase todos os acionistas estavam na sala de reuniões e a exceção era Tommy, mas não havia nada de estranho. Ele estava sempre ausente.

Anne se sentou atrás de Xander, abriu o laptop em seu colo e, assim que a reunião começou, se manteve ocupada digitando as atas.

Quando chegou a vez de Xander apresentar, foi Anne quem projetou os dados na tela.

Sempre que falavam sobre as falhas nos dados numéricos do Departamento de Finanças, o rosto de Damian se contorcia, como se se sentisse culpado por aquilo.

Anne manteve o foco no laptop como se só tivesse olhos para o computador e nada mais. Ela não se atrevia a olhar em volta com medo de encontrar o poço sem fundo assustador se o fizesse. Enquanto continuasse se esquivando, nada aconteceria.

― Tenho um assunto a anunciar. ― Finalmente, Ron falou. Ele não se importava com o que as outras pessoas pensariam, exceto Anthony. Só o olhar do filho já era o suficiente para ele suar. ― Decidi ceder metade da minha participação acionária. Não haverá nenhuma implicação para os outros acionistas. É apenas uma mudança da minha parte. ―

Anthony não disse nenhuma palavra, mas seu olhar poderia matar.

Damian, entretanto, pareceu ficar muito curioso e perguntou:

― Para quem você deu? ―

Ron sentiu sua garganta pesada.

― Para... Sarah Vallois. ―

‘O quê?’ Anne refletiu e o laptop quase caiu de seu colo. Então, recuperou a compostura e olhou para Ron, com descrença, e até tentou observar a expressão de medo de Anthony.

Outras pessoas na reunião ficaram indiferentes às notícias, mas não foi o caso de Anthony. Sua aura enchia a atmosfera, criando uma pressão invisível, mas sufocante, sobre todos. Anne foi especialmente afetada e seus dedos apertaram a bainha de sua blusa com tanta força que chegaram a ficar doloridos.

― Você deve estar se sentindo nostálgico sobre seu relacionamento passado ― Damian brincou. Na verdade, ele queria fazer Ron de bobo. ― Eu não esperava que você tomasse uma decisão como essa sem ao menos informar seus familiares. ―

Ron explicou:

― Como Sarah é extremamente gananciosa, não tive outra opção. Antes disso, já havia dado muito dinheiro a ela para me livrar. Mas, não esperava que, no final, ela ainda me incomodasse por causa disso. isso. Ela disse que se eu não desse a ela, me incomodaria para sempre. Isso é minha culpa. ―

― Impossível! ― Anne involuntariamente defendeu a mulher: ― Minha mãe nunca quis incomodar você! ―

Do ponto de vista dele, aquele homem só podia estar brincando.

― Se não fosse o caso, você acha que eu daria minhas ações para ela? Como você ousa discordar que sua mãe é gananciosa! ― Ron perguntou, ameaçadoramente.

Anne não tinha outros comentários a refutar. Entretanto, não conseguia pensar em nada importante o suficiente para ter obrigado Ron a ceder metade das ações.

― Também há outro motivo para eu querer dar a ela. É uma compensação para você ― disse Ron.

Anne percebeu que ele estava falando sobre o que havia dito a ela, na conversa que tiveram na escadaria do prédio. A jovem achou que o empresário falava da boca para fora, mas o homem realmente parecia estar bem-intencionado. Entretanto, como aquilo poderia ter acontecido tão rápido?

― A família Marwood é culpada pelo que aconteceu a você. Como pai, eu tinha a responsabilidade de fazer algo. É uma questão importante para uma mulher ser capaz de se reproduzir ― disse Ron.

― Então, eu deveria te agradecer por isso? ― Anthony finalmente abriu a boca, mas seu comentário pareceu uma tumba milenar e amaldiçoada sendo aberta e seus olhos de falcão se voltaram para Ron. Se eles não estivessem na sala de reuniões, ele poderia tê-lo matado.

Ron estava apavorado, com medo da retaliação de seu próprio filho.

― Anthony, não fique bravo. Você já está noivo. Bianca ficará grávida de seus filhos. Apenas aceite isso como uma lição para não cometer o mesmo erro no futuro. ―

― Guarde suas lições para você! ― Anthony parecia implacável e se levantou. ― Já que você é tão gentil e generoso, vou lhe dar a oportunidade de ser mais ainda. De agora em diante, sua participação acionária e posição no Grupo Marwood estão revogados. Não apareça mais na minha frente! ―

O magnata saiu, assim que terminou de falar e todos ficaram tão apavorados que não ousavam nem respirar. Só depois que Anthony saiu, começaram a ofegar, aliviados.

Damian riu e deu um tapinha no ombro de Ron.

― Mano, não esperava que você acabasse de forma mais trágica do que eu. Perdi minha participação acionária, mas você não conseguiu nem manter sua posição na empresa. Seu filho foi mais cruel com você do que comigo! Você deu metade de sua participação acionária para Sarah. Isso significa que terei que ver a mulher em todas as reuniões de acionistas no seu lugar? Este é um drama tão bom, hahaha! ―

Depois de provocá-lo, Damian também saiu.

Xander foi o penúltimo a se levantar. Quando se virou, viu Anne, com o rosto pálido, imóvel em seu lugar.

Comentários

Os comentários dos leitores sobre o romance: O Trigêmeos do Magnata